EconomiaPBTrending

Concurso da Semob-JP para agente de mobilidade urbana será realizado neste domingo

As provas objetivas do concurso com 100 vagas para agente de mobilidade urbana da Superintendência Executiva de Mobilidade Urbana de João Pessoa (Semob-JP) serão realizadas neste domingo (24), em 66 locais distribuídos por diversos bairros da cidade. Os portões abrirão às 13h e fecharão às 14h.

O último concurso para a autarquia gestora do trânsito e transporte da Capital ocorreu em 2003, durante a gestão do prefeito Cícero Lucena, marcando também o primeiro concurso para agentes de trânsito da Semob-JP.

O certame visa selecionar novos servidores que, após o curso de formação, integrarão os quadros da Semob-JP para contribuir com a fluidez e a segurança viárias. Eles serão responsáveis por fiscalizar o cumprimento do Código de Trânsito Brasileiro (CTB) e educar condutores de veículos e pedestres para prevenir sinistros de trânsito e preservar vidas.

Para facilitar a chegada dos mais de 22 mil candidatos aos locais de prova, a Semob-JP realizará um monitoramento do entorno das escolas com maior número de inscritos. Trinta agentes de mobilidade estarão distribuídos em pontos estratégicos definidos pela Diretoria de Operações, monitorando escolas como Papa Paulo VI, Zulmira de Novais, Oscar de Castro, Governador Leonel Brizola, Presidente Epitácio Pessoa, Aruanda, Seráfico da Nóbrega, Sesquicentenário e UFPB.

O superintendente da Semob-JP, Expedito Leite Filho, ressaltou a importância do concurso para a cidade. “Passados 20 anos sem realizar concurso para a Semob, após todas as fases e a nomeação dos 100 novos agentes de mobilidade urbana aprovados, poderemos prestar um serviço ainda melhor à população no gerenciamento do trânsito e transporte de João Pessoa, garantindo uma maior presença de nossas equipes nos trechos com tráfego de veículos e pedestres mais intensos, e uma fiscalização mais eficaz, preservando vidas no trânsito, sendo este o nosso principal objetivo. Aproveito para desejar boa sorte aos candidatos”, disse Expedito Filho.

(Fonte: Adaptação de Política Etc)

(Imagem: Ilustração)

Compartilhar: